sexta-feira, junho 14, 2024
InícioO que é Câncer de Ovário Epitelial

O que é Câncer de Ovário Epitelial

Marcar minha Consulta

O que é Câncer de Ovário Epitelial?

O câncer de ovário epitelial é uma forma de câncer que se origina nas células epiteliais que revestem a superfície externa do ovário. É o tipo mais comum de câncer de ovário e pode ser dividido em diferentes subtipos, dependendo das características das células cancerígenas. Essas células podem se multiplicar de forma descontrolada e formar tumores no ovário, podendo se espalhar para outras partes do corpo.

Fatores de Risco

Existem vários fatores de risco que podem aumentar a probabilidade de uma mulher desenvolver câncer de ovário epitelial. Alguns desses fatores incluem:

– Histórico familiar de câncer de ovário ou câncer de mama: Mulheres que têm parentes de primeiro grau, como mãe, irmã ou filha, que tiveram câncer de ovário ou câncer de mama, têm um risco maior de desenvolver a doença.

– Mutação genética: Algumas mutações genéticas hereditárias, como a mutação dos genes BRCA1 e BRCA2, estão associadas a um maior risco de câncer de ovário epitelial.

– Idade: O risco de desenvolver câncer de ovário epitelial aumenta com a idade, sendo mais comum em mulheres acima dos 50 anos.

– Uso de terapia hormonal: O uso prolongado de terapia hormonal, como a reposição hormonal após a menopausa, pode aumentar o risco de câncer de ovário epitelial.

Sintomas

Os sintomas do câncer de ovário epitelial podem variar de mulher para mulher e podem ser semelhantes aos de outras condições ginecológicas. Alguns dos sintomas mais comuns incluem:

– Dor abdominal ou pélvica persistente

– Inchaço abdominal

– Dificuldade em comer ou sensação de saciedade precoce

– Mudanças no hábito intestinal, como constipação ou diarreia

– Mudanças na bexiga, como aumento da frequência urinária

– Fadiga

– Perda de peso inexplicada

Diagnóstico

O diagnóstico do câncer de ovário epitelial geralmente envolve uma combinação de exames e testes. Alguns dos métodos de diagnóstico mais comuns incluem:

– Exame pélvico: Durante o exame pélvico, o médico irá verificar a presença de quaisquer anormalidades no ovário ou no útero.

– Ultrassonografia: A ultrassonografia pode ser usada para visualizar os órgãos internos e verificar se há a presença de tumores ou cistos no ovário.

– Exames de sangue: Alguns exames de sangue podem ajudar a detectar a presença de marcadores tumorais que são comuns em casos de câncer de ovário epitelial.

– Biópsia: A biópsia é o procedimento mais preciso para confirmar o diagnóstico de câncer de ovário epitelial. Durante a biópsia, uma amostra de tecido é retirada do ovário e examinada em laboratório.

Tratamento

O tratamento do câncer de ovário epitelial pode variar dependendo do estágio da doença e das características individuais da paciente. Alguns dos tratamentos mais comuns incluem:

– Cirurgia: A cirurgia é geralmente o primeiro passo no tratamento do câncer de ovário epitelial. Durante a cirurgia, o médico irá remover o máximo possível de tecido cancerígeno.

– Quimioterapia: A quimioterapia é frequentemente utilizada após a cirurgia para destruir as células cancerígenas remanescentes e prevenir a recorrência da doença.

– Radioterapia: A radioterapia pode ser usada em alguns casos para destruir as células cancerígenas ou aliviar os sintomas do câncer de ovário epitelial.

– Terapia direcionada: A terapia direcionada é um tipo de tratamento que utiliza medicamentos específicos para atacar as células cancerígenas de forma mais precisa.

Prevenção

Embora não seja possível prevenir completamente o câncer de ovário epitelial, algumas medidas podem ajudar a reduzir o risco de desenvolver a doença. Alguns dos métodos de prevenção mais comuns incluem:

– Uso de contraceptivos orais: O uso de contraceptivos orais pode reduzir o risco de câncer de ovário epitelial, especialmente em mulheres que os utilizam por longos períodos de tempo.

– Cirurgia preventiva: Em casos de alto risco, como mulheres com mutações genéticas conhecidas, a remoção preventiva dos ovários e das trompas de Falópio pode ser considerada.

– Estilo de vida saudável: Manter um estilo de vida saudável, incluindo uma dieta equilibrada, exercícios regulares e evitar o tabagismo, pode ajudar a reduzir o risco de câncer de ovário epitelial.

Conclusão

O câncer de ovário epitelial é uma doença séria que afeta muitas mulheres em todo o mundo. É importante estar ciente dos fatores de risco, dos sintomas e dos métodos de diagnóstico para que a doença possa ser detectada precocemente. Com um diagnóstico precoce e um tratamento adequado, as chances de sobrevivência e recuperação são maiores. É fundamental que as mulheres consultem regularmente seus médicos e realizem exames de rotina para detectar qualquer anormalidade o mais cedo possível.

Marcar minha Consulta

Mais Popular

Abrir bate-papo
💬 Precisa de ajuda?
Olá 👋
Precisa de procedimentos cirúrgicos, exames ou consultas?
Fale conosco agora!